Sarandi,

Secretaria de Saúde conquista veículo para combate à Dengue

Quarta, 05 Setembro 2018. Postado em Noticias

Secretaria de Saúde conquista veículo para combate à Dengue

 

Uma parceria entre o Governo Federal e o Ministério de Saúde proporcionou ao Município de Sarandi um veículo novo para as ações na cidade.

A caminhonete Triton foi entregue nesta quarta-feira (05) e será destinada as ações de combate à dengue. Segundo a secretária de saúde, Marlene Pereira Fermino de Souza, o novo veículo poderá a auxiliar nas atividades já exercidas dentro da comunidade.

“Para nós é muito importante a entrega desse veículo, pois o verão está chegando e com ele a dengue, então a gente precisa se preparar para combater esse bichinho maldoso, agradeço essa conquista e estamos aqui para somar com todo mundo”, comemora a Secretária de Saúde.

O veículo teve um custo de R$ 110 mil, recurso esse do Governo Federal e distribuído pelo Ministério de Saúde, que contemplaram Sarandi com mais essa conquista, na ocasião o Prefeito Walter Volpato (PSDB) esteve presente e pediu a ajuda da população para diminuirmos o número de focos da dengue.

“É um dever nosso cuidar da nossa cidade, cada um deve cuidar do seu bairro, isso já evita que com as chuvas ela seja um local para a proliferação da dengue”, destacou o Prefeito.

 

DOENÇA

Transmitido pelo mosquito Aedes aegypti, o vírus da dengue causa doença febril aguda. Na maioria dos casos, os sintomas são leves e autolimitados. Contudo, uma pequena parcela dos infectados evolui para doença grave. Dengue é a doença viral que mais se espalha no mundo. Estima-se que 2,5 bilhões de pessoas no mundo vivam em área de risco de transmissão do vírus, o que causa entre 50 milhões e 100 milhões de infecções e 20 mil mortes anualmente.

  • Sintomas

A infecção por dengue pode ser assintomática (sem sintomas), leve ou causar doença grave, levando à morte. Normalmente, a primeira manifestação da dengue é a febre alta (39° a 40°C), de início abrupto, que geralmente dura de 2 a 7 dias, acompanhada de dor de cabeça, dores no corpo e articulações, além de prostração, fraqueza, dor atrás dos olhos, erupção e coceira na pele.

Perda de peso, náuseas e vômitos são comuns. Na fase febril inicial da doença, pode ser difícil diferenciá-la. A forma grave da doença inclui dor abdominal intensa e contínua, vômitos persistentes e sangramento de mucosas, entre outros sintomas. Ao apresentar os sintomas, é importante procurar um serviço de saúde para diagnóstico e tratamento adequados.

 

Rafael Marri
ASSESSORIA DE COMUNICAÇÃO DA PREFEITURA DE SARANDI
Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.
(44) 3264-8684

 

 

Submit to FacebookSubmit to Google Plus
  • Sarandi realizou a 1ª edição do FEMUSA
  • IX Conferência Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente
  • GM começa a utilizar drone para auxiliar no combate às drogas
  • CRAM Viva Flor realiza projeto de Justiça Restaurativa
  • “Amarelinha” realiza horário diferenciado para o dia de Finados
  • Sarandi ganha Prêmio Gestor Público Paraná
  • Cerimônia de Juramento à Bandeira do Serviço Militar é realizado em Sarandi
  • Confira o poema vencedor do Concurso Literário “Sarandi 37 Anos”
  • Centro de Referência Especializado de Assistência Social (CREAS) realiza 1ª Mostra Cultural
  • Reunião define últimos detalhes do Programa Justiça nos Bairros
  • Servidores Municipais recebem treinamento para Ouvidoria 156
Prefeitura do Município de Sarandi-Pr.
Rua: José Emiliano de Gusmão, 565 - Centro
CEP. 87111-230 Fone/Fax: (44) 3264 - 8600
CNPJ: 78.200.482/0001-10
Sarandi-Pr./2018